5 doenças da unha e como evitar

O aspecto das unhas diz muito sobre você. E isso não tem a ver somente com a vaidade, mas com a higiene pessoal e a sua saúde. Toda atenção é necessária para prevenir as doenças das unhas e perceber os sinais que alertam sobre outros problemas no organismo.

Doenças na unha

Infecções causadas por fungos

Micoses causadas por fungos podem deformar as unhas e descolá-las do leito ungueal. Uma das infecções fúngicas mais comuns é a onicomicose, popularmente conhecida como unheiro.

Tratamento: medicação antifúngica oral e tópica, por um período mínimo de seis meses.

Infecções causadas por bactérias

Unhas atacadas por bactérias costumam ficar inchadas, avermelhadas e muito doloridas. Traumas, produtos químicos e água contaminada são fatores de risco para infecções bacterianas nas unhas. Porém, se a unha apresentar uma coloração esverdeada, a doença pode ter sido causada por uma bactéria do gênero Pseudomonas. Tratamento: infecções bacterianas nas unhas são tratadas com medicação antibiótica.

Unha encravada

A onicocriptose ou unha encravada pode ocorrer devido à malformação da unha ou ao corte incorreto e uso de calçados apertados. O encravamento inflama os cantos das unhas e causa dor. Quando está muito encravada, precisa ser tratada no consultório dermatológico. Cortá-las conforme a orientação do especialista ajuda a prevenir o encravamento.

Melanoma subungueal

O principal sintoma são as linhas escuras que aparecem no leito ungueal. O exame médico, dermatoscopia e biopsia poderão confirmar se é um melanoma (câncer subungueal), trauma ou infecção bacteriana. Portanto, ao notar esse tipo de sintoma, consulte imediatamente o médico dermatologista.

Psoríase da unha

Unhas fracas, descamativas, relevo deformado, descolamento do leito ungueal e coloração escura (avermelhada ou marrom) podem estar acometidas pela psoríase, doença incurável, mas que pode ser controlada com a medicação adequada, prescrita somente por médico.

Sinais nas unhas que merecem atenção

Além das doenças das unhas, podem surgir sintomas relacionados a outras patologias. Por isso, ao perceber alterações, consulte o médico dermatologista para saber se é uma doença das unhas ou um problema que precisa ser diagnosticado por outro especialista.

  • Unhas esbranquiçadas: doenças do fígado
  • Unhas bicolores (rosada e esbranquiçada): doenças nos rins
  • Leito da unha avermelhado: doenças do coração
  • Unhas amareladas e espessas: doenças nos pulmões
  • Unhas pálidas: anemia
  • Unhas amareladas: diabetes
  • Unhas com pintas brancas: falta de vitamina A ou zinco
  • Unhas roídas: ansiedade, estresse, distúrbios mentais

Previna as doenças de unha

  • Proteja as mãos com luvas ao usar produtos de limpeza, cuidar de jardins e hortas
  • Mantenha mãos e pés sempre higienizados
  • Seque bem os pés antes de usar um calçado fechado
  • Não exagere no corte da unha
  • Não remova 100% da cutícula
  • Faça uma pausa de 24 horas entre as esmaltações
  • Não compartilhe cortadores, alicates, tesouras e outros instrumentos
  • Evite usar calçados apertados, com bico fino
  • Se a unha estiver muito encravada, peça ajuda a um especialista
  • Busque tratamento médico para micoses, infecções e outras doenças

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais sobre o meu trabalho como dermatologista em São Paulo e Belo Horizonte.

Por: Dra. Ana Paula Coelho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *