Poros dilatados: causas e tratamento

Poros dilatados não apresentam riscos para a saúde, mas causam um verdadeiro incômodo estético. Ninguém gosta de ter aqueles furinhos no rosto e, a depender da intensidade do problema, nem mesmo a melhor maquiagem consegue disfarçar a dilatação dos poros.

Vale acrescentar que qualquer tipo de pele está sujeito ao desconforto. Quem tem a pele oleosa, porém, tem uma maior propensão. A boa notícia é que, em todos os casos e  em qualquer tipo de cútis, é possível tratar a condição e alcançar melhoras significativas.

Quer saber mais sobre poros dilatados, suas causas e tratamentos? Acompanhe a leitura para descobrir mais sobre esse assunto!

O que são poros?

Os poros são pequenas aberturas pelas quais saem os pelos e as secreções das glândulas sebáceas e sudoríparas. Só na face existem, aproximadamente, 300 mil poros, e eles podem ficar maiores e mais abertos devido a múltiplos fatores.

Quais são as causas dos polos dilatados?

Os poros costumam ser mais dilatados em áreas oleosas, como a zona T (testa, nariz e queixo). O excesso de suor e oleosidade está entre as principais causas da dilatação – é por isso que, no verão, é muito comum notar esse problema.

Outras razões podem contribuir para o aumento dos poros, como a flacidez cutânea e o envelhecimento. Isso acontece porque, à medida que envelhecemos, a pele perda a elasticidade e os poros ficam mais abertos e evidentes.

Vale acrescentar que outro fator causador da dilatação dos poros é a hereditariedade. Filhos de pais que sofrem com poros dilatados têm grandes chances de herdar essa característica.

Como prevenir a dilatação dos poros?

Antes de falarmos sobre os tratamentos indicados, que tal conhecer maneiras simples de evitar os poros dilatados? Melhor prevenir do que remediar, concorda? Sendo assim, um cuidado básico para impedir a dilatação é o uso diário de protetor solar.

Além disso, vale a pena higienizar a pele com produtos capazes de controlar a oleosidade. A esfoliação e hidratação também ajudam a amenizar a aparência dos poros e deixar a pele mais bonita e uniforme.

E os tratamentos dermatológicos recomendados?

Quem tem poros dilatados deve investir em tratamentos cosméticos e clínicos conduzidos por um dermatologista de confiança. Procedimentos como microdermobrasão, peelings químicos, peeling de cristal e laser de CO2 fracionado apresentam resultados muito satisfatórios, já que melhoram a textura da pele e suavizam o aspecto dilatado dos orifícios.

Outro tratamento excelente para reduzir a dilatação dos poros é a luz intensa pulsada. O método é indicado quando o paciente, além de poros dilatados, tem microvasos e manchas cutâneas. A luz intensa melhora a textura da cútis, aumenta a firmeza da pele e minimiza o diâmetro dos poros, deixando a pele visivelmente mais lisa e saudável. Converse com seu dermatologista para descobrir qual desses tratamentos é mais adequado para você.

Quer saber mais sobre poros dilatados? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como dermatologista em São Paulo e Belo Horizonte!

Por: Dra. Ana Paula Coelho

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *